PESQUISAR TEMAS E ARQUIVOS DO BLOG

sábado, 24 de outubro de 2015

Santo Frei Galvão, o homem da Paz e da Caridade


Paz e Caridade! Duas características marcantes, que se completam e dizem muito sobre uma pessoa.

Paz é mais que a ausência da guerra ou de conflitos. Você já se sentiu em paz em algum momento? Sem nenhuma aflição, sem nenhuma preocupação. Como é difícil sentir paz nos dias de hoje. Nosso pensamento sempre nos afasta da paz. A violência no mundo, nas relações, a disputa por poder e dinheiro, o desemprego, os problemas financeiros, tudo isso nos tira a paz.

Muitas vezes relacionamos a caridade à ajuda financeira a alguém que necessita. Ser caridoso vai além de ajudar o próximo financeiramente. A caridade se dá nas relações, mesmo as mais próximas. O dicionário nos diz: caridade é a virtude teologal que conduz ao amor a Deus e ao nosso semelhante.

Que a Paz e a Caridade, presentes na vida e na missão de Frei Galvão, estejam presentes em nossas vidas e em nossas relações. 

SAUDAÇÃO/ INTRODUÇÃO
A você que reza conosco, Paz e Bem! São João Paulo II, quando beatificou o Santo Frei Galvão, o chamou de “o Homem da Paz e da Caridade”. Frei Galvão viveu momentos muito duros em sua vida. E, mesmo assim, conseguiu conservar a paz. Sua vida foi admirável, sobretudo, na prática da caridade para com os pobres, pagando dívidas deles, quando podia, e tratando os escravos com bondade e consideração. Neste último dia de nossa novena, queremos aprender com Frei Galvão a sermos sempre construtores da Paz e a colocar a caridade acima de todas as virtudes. 

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

PALAVRA DE DEUS (2Cor 13, 11-13)
“Irmãos, sede alegre, trabalhai em aperfeiçoar-vos, deixai-vos exortar, tende um mesmo sentir, vivei em paz e o Deus da caridade e da paz estará convosco. Saudai-vos reciprocamente no ósculo santo. Todos os santos vos saúdam. A graça do Senhor Jesus Cristo e a caridade de Deus e a comunhão do Espírito Santo estejam com todos vós”.

COMPROMISSO DO DIA
Quero me esforçar para ser muito caridoso hoje, fazendo o bem para um pobre, visitando uma pessoa que vive na solidão, procurando não falar nada de negativo sobre pessoas amigas e cumprimentando a todos que eu encontrar com a saudação franciscana: Paz e Bem!

ORAÇÃO FINAL/ BÊNÇÃO
Senhor Deus, que sois a plenitude do amor, concedei a todos os devotos do Bem-aventurado Santo Frei Antônio Sant’Ana Galvão a graça de viverem a caridade acima de todas as coisas, para que, deixando de lado toda discórdia seja um só coração e uma só alam, e possam construir juntos uma sociedade cheia de paz e verdadeira fraternidade. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém. 

Que o pelo auxílio de Frei Galvão, o Senhor aumente em nossas vidas e em nossos corações a caridade e a paz: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.