PESQUISAR TEMAS E ARQUIVOS DO BLOG

quarta-feira, 22 de julho de 2015

150 jovens nas Missões Franciscanas de Colatina


Por Lucas Moreira Almeida

Alegria, esperança e fé resumem o que foram as Missões da Juventude Franciscana no Estado do Espírito Santo, realizadas de 17 a 19 de julho, na Paróquia Santa Clara de Assis, em Colatina. Cerca de 150 missionários atenderam ao apelo da Fraternidade de Santa Clara e do Serviço de Animação Vocacional da Província da Imaculada para anunciar e levar a alegria do Evangelho a todos.

Este encontro, contudo, começou muito antes, na preparação, com inúmeras pessoas dispostas a organizar e trabalhar para que tudo acontecesse de maneira agradável e fosse bem vivenciado por todos. E assim o foi, quando já no dia 17 de julho, às 19 horas, no Santuário do Divino Espírito Santo, em Vila Velha, houve a missa de envio dos jovens missionários. Presidida pelo pároco Frei Paulo Roberto Pereira e concelebrada por Frei Clarêncio Neotti, Frei Diego Atalino de Melo e Frei Jeâ Paulo de Andrade, além dos frades estudantes de filosofia Júnior Mendes e Davi Belinelli, a celebração foi marcada pela animação e presença dos jovens que iam chegando diretamente de seus trabalhos, aos poucos. Estando os dois ônibus lotados, partiram em direção a Colatina, onde chegaram por volta das 23h. Era notável a animação dos jovens da referida paróquia, recepcionando a todos que ali chegavam com músicas, palmas, danças e vivas! Após a janta, todos foram direcionados para as famílias acolhedoras.



No sábado pela manhã houve um momento de formação com Frei Diego Melo, do Serviço de Animação Vocacional, para explicitar mais claramente o caráter missionário do cristão, especialmente do franciscano, acerca do modo como acolher, levar a palavra de Deus, a bênção e a escuta a todos os que precisam.

Após o almoço todos foram direcionados para os setores definidos, que ao todo se somavam sete comunidades que receberiam os jovens. E assim os jovens partiram pelas ruas de Colatina cantando, saudando as pessoas, acolhendo e partilhando a Palavra de Deus com seu jeito jovem e espontâneo de ser. Encontrar Cristo nas mães, pais, filhos, filhas, pessoas que por vezes estavam passando por momentos difíceis, mas que muito se alegravam ao pedir a bênção de Deus para as suas casas, na esperança de que no Senhor todas as dificuldades poderiam ser superadas. Experiência forte e marcante foi a de ser portador do consolo e da força de Deus também para os enfermos, que mesmo acamados se alegravam por ver tantos jovens dispostos a evangelizar.

Assim, encerrando o sábado de visitas missionárias, cada comunidade reuniu-se para na Eucaristia celebrar a vida de Jesus presente na vida do povo, especialmente daquelas famílias visitadas. Depois da celebração e do jantar, os jovens continuaram sua missão com um oportuno tempo de convivência com as famílias que os estavam acolhendo.
No dia do Senhor, último dia da missão, foi a vez da Comunidade Nossa Senhora da Saúde acolher aos quase 200 jovens para a celebração de encerramento das missões, presidida pelo Pároco Frei Gilson Kammer e concelebrada por Frei Diego, Frei Mario Stein, e Frei Pedro do Nascimento Viana. Na celebração, conduzida de modo alegre e vibrante, não faltou alegria e expectativa após o anúncio de que em breve as missões iriam acontecer em Vila Velha, que então será a anfitriã dos jovens de Colatina.

Se a mesa eucarística deu força para todos continuarem firmes na missão, a mesa com um farto almoço oferecido pela comunidade capacitou a todos para uma divertida tarde de gincanas, dinâmicas, recreação e muita alegria, coroando estes dias de intensa convivência e novas amizades.

Já findando a tarde de domingo e após as despedidas, e-mails e whatsapp trocados, os jovens regressaram para suas casas com a certeza de que aquele cansaço e dedicação os tinham dado ainda mais vigor e ânimo, fazendo-os lembrar das palavras do Papa Francisco: “Se uma pessoa sabe que, morta de cansaço, pode prostrar-se em adoração e dizer: ‘Senhor, por hoje basta!’, rendendo-se ao Pai, sabe também que não tomba mas renova-se, pois o Senhor que ungiu com o óleo da alegria o povo fiel de Deus, também unge a ela: ‘Muda a sua cinza em coroa, o seu semblante triste em perfume de festa e o seu abatimento em cantos de festa’ (cf. Is 61, 3)”.

Por fim, pedimos a Deus que os jovens continuem com a sua força alegre e profética, assumindo sempre o seu protagonismo na Evangelização.

Fonte: Província Franciscana