PESQUISAR TEMAS E ARQUIVOS DO BLOG

sexta-feira, 31 de maio de 2013

DEI UM "FORA"! E AGORA?!

Você com certeza já deve ter passado por alguma situação constrangedora. Trata-se da famosa gafe. Podemos dar alguns exemplos, como o do marido que esquece o aniversário da esposa. 

Tem também aquela pessoa que fala demais, como a mulher que viu a amiga vestida de preto e comentou: “Nossa, você parece que está vindo de um velório!” E a outra responde: “e estou mesmo. Meu marido acabou de ser enterrado!” Que vergonha! Depois deste comentário infeliz, a mulher ficou com vontade de desaparecer. 

Levar um tombo em público também costuma causar muito mal estar. Quando cometer uma gafe, pense no seguinte consolo: você não é a primeira nem será a última pessoa a dar um deslize. Se seu fiasco magoou alguém, peça desculpas o mais rápido possível. 

Caso não tenha prejudicado ninguém, a não ser você mesmo, procure rir da situação e superá-la com bom humor. Geralmente a atenção e a sensibilidade são duas atitudes que ajudam a prevenir as gafes. Tente evita-las ao máximo, mas não se preocupe demais. 

Erro todo mundo comete, porque ninguém é perfeito. E se alguém cometer algum deslize com você, procure ser tolerante.

Frei Gustavo Medella