PESQUISAR TEMAS E ARQUIVOS DO BLOG

sexta-feira, 19 de abril de 2013

SABER RIR DE SI MESMO

Pare um pouco, pense na sua vida e veja se você não está se levando a sério demais. 
Este é um erro ao qual todo mundo está sujeito. A cobrança do mercado de trabalho, os compromissos com a família e a rotina podem levar a um adormecimento da alegria e por isso é que a pessoa começa a perder o bom humor. 

Quem não se cuida acaba entrando numa onda de pessimismo que pode ser perigosa. Primeiro a pessoa deixa de sorrir, depois só vê o lado negativo das coisas e por fim não encontra mais a graça em viver. 

Cada um tem que cuidar muito para não perder o sentido e as cores da própria vida. Saber rir de si próprio é a chave para a solução de muitos problemas. Ao encarar a vida com leveza, o ser humano passa a ter mais força para superar as dificuldades. 

É evidente que diante de algumas barreiras haja mais insegurança, medo e tristeza, que são sentimentos normais. O que não pode acontecer é que as preocupações apaguem de vez a coragem e a alegria que toda pessoa traz no coração. Lembre-se: recomeçar é sempre possível. Se você tropeçou, ria de si mesmo, perdoe-se, levante-se e tente outro caminho. 

Se alguém lhe derrubou, não guarde mágoa. A receita é a mesma: perdoe, levante-se e tente outro caminho. Eu sei que na prática nem sempre é fácil agir desta maneira, mas não desista de tentar.
O maior beneficiado será você mesmo.

 Frei Gustavo Wayand Medella, OFM